links
posts recentes

O sacrificio

...

...

A utima pra você

...

...

Eles adoram fazer isso

Amoo tanto, só falta uma ...

...

Muitos, e as vezes abro a...

Estou esperando, rs

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

To bem assim...

...

...

...

Pensei em você o dia todo...

...

...

...

...

...

...

Um pouco de nostalgia, po...

...

...

...

...

...

...

...

arquivos

Julho 2013

Junho 2013

Março 2013

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

blogs SAPO
últ. comentários
É uma história muito bonita, o filme é o meu favor...
Veja bem meu jovem, não é questão de se fazer de d...
Tem mulher que não deixa o cara pegar no se...
Tem mulher que não deixa o cara pegar no se...
Porquê tem mulher que se faz de tão d...
Porquê tem mulher que se faz de tão d...
Porquê tem mulher que se faz de tão d...
Bem, essa é a MINHA lista de namorado perfeito :)
Isso e uma babozera, namorado perfeito e aquele q ...
Sim, continuam querendo seu bem para sempre
Não se sinta tão perdida, procure achar um lado bo...
Gostei do blog :)
Essa minha Amora é uma linda msm viu! *-* se eu so...
Ah minha Amora é tão linda... te amo tanto.. seu b...
kkkkkk que lindo ele morre de ciumes!! adoro kkk
kkkkkk abestaiada neh rum! Ai ai kkk te amo linda!
Essa amora é abestaiada, kkkkkk amo-te
e que decote neh Amora, que decote... >.
Amora linda da minha vida... eu te amo tanto! Obg!...
Terça-feira, 18 de Janeiro de 2011
Tempos de paz!

 

 

 

 

 

 

 

Humm, janeiro, simplesmente amo janeiro! Mês das férias, e esse definitivamente é o meu janeiro mais revitalizante!Ah estou com uma paz interior tão grande tão de bem comigo mesma, rs, mesmo as preocupações insistindo em  permanecerem la fora, batendo na minha portinha, esperando apenas uma brechinha para entrar, mais em janeiro não, não em janeiro, no meu mês de descanso nada vai me tirar do sério, nada vai tirar meu equilíbrio interior!

Apenas permito que entre a saudade, mais não aquela saudade que machuca, que doí, e sim aquela saudadezinha gostosa, boa de ser lembrada, que traz uma felicidade imensa!Essa sim tem espaço no MEU janeiro! Eu acho que todo mundo deveria ter pelo menos um mês do ano pra se reenergizar, fazer todo um balanço do que quer para vida, listar objetivos, traçar um ponto de partida, eu indicaria o primeiro dia do ano, ou até mesmo o ultimo, são datas que representam sempre um recomeço  e nada melhor que estar preparada espiritualmente para um começo,  pois quando nos preparamos qualquer obstáculo, qualquer desafio parece mais fácil de ser resolvido, superado! E ah como tenho pendencias, obstáculos para resolver, nada melhor que me preparar! Eu não consigo compreender o porque de algumas pessoas não entenderem que eu realmente preciso desse meu momento, desse meu tempo, definitivamente não é EGOISMO, não é porque eu não gosto de estar em casa, não é porque eu me esqueço das pessoas, é tão somente porque eu preciso de um tempo só pra mim, para colocar as coisas no seus devidos lugares. Eu não quero me sentir culpada, até mesmo porque isso não é nenhum pecado. Bem parar de falar, porque afinal é Janeiro!rs

 

 

 

 

 

Déia Nascimento



publicado por Déia Nascimento às 16:59
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Terça-feira, 11 de Janeiro de 2011
As Montanhas

 

 

 

 

 

 

 

Eu posso quase ver esse sonho que estou sonhando. Mas tem uma voz dentro da minha cabeça dizendo você nunca irá alcançá-lo, cada passo que eu estou dando, cada movimento que eu faço parece perdido sem direção, minha fé está abalada porém eu tenho que continuar tentando tenho que manter minha cabeça erguida.
Sempre haverá uma outra montanha e eu sempre irei querer movê-la, sempre será uma batalha difícil, ás vezes eu terei que perder. Não se trata do quão rápido eu chegarei lá, não se trata do que está me esperando do outro lado.É a subida. As lutas que estou enfrentando, as oportunidades que estou tendo, as vezes podem me derrubar, mas não, eu não estou caindo. Eu posso não saber disto mas são esses os momentos dos quais eu mais irei me lembrar. Sim, só tenho que continuar e eu tenho que ser forte. Continuar prosseguindo porque sempre haverá uma outra montanha.

 

 

 

 

 

Déia Nascimento 



publicado por Déia Nascimento às 22:41
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Sábado, 8 de Janeiro de 2011
"Pessoas", esmaltes e vazio

 

 

 

 

 

 

Andava insatisfeita com esmaltes. Trocava de esmalte duas vezes por semana e queria comprar uma cor nova cada vez que pintava as unhas. E nunca achava a cor certa que estava procurando. Na verdade, trocava tanto porque não sabia qual cor estava procurando. Andava mesmo insatisfeita com esmaltes.

Dizem que a solidão é o mal do século. Eu concordo. Solidão é ter amigos, ter um namorado, ter uma família linda, ter milhares de admiradores. E não ter a si mesma. Solidão é viver numa sociedade cada vez mais superficial, cada vez mais consumista, que julga as pessoas pela aparência e pelo tanto de dinheiro que elas têm. Solidão é o que move a internet hoje – e sempre. Solidão é a única razão pela qual os Orkuts, Facebooks e Twitters da vida se popularizam cada vez mais. Queremos amigos, queremos mensagens fofas, queremos depoimentos que dizem pro resto do mundo o quanto somos lindos, cheirosos e bem amados. Queremos mostrar fotos com trinta amigos diferentes, queremos mostrar foto do namorado novo da semana, queremos mostrar fotos da nova melhor amiga de infância que acabamos de conhecer, queremos que o mundo saiba que somos amados. Queremos admiração. Queremos falar, o tempo todo, que temos amigos, amor e popularidade. Mostramos (ou, pelo menos, tentamos mostrar) pro mundo que somos a estampa ideal, quando, na maioria das vezes, nada realmente parece oque é. Os trinta amigos da foto só são amigos na hora da foto e não são pessoas que se importam de verdade no dia-a-dia. E os novos amores se vão a cada semana.

 

Queremos ter mil amigos no Orkut, mas não achamos companhia pra assistir um filme no cinema quarta-feira à noite. Queremos nos comunicar com todo mundo do Facebook e “reativar” amizade com pessoas com as quais mal falávamos “oi” dois anos atrás. Damos bom-dia no Twitter (um negócio onde se fala sozinho) e não damos bom-dia pro vizinho ao lado. Adicionamos Deus e o mundo no maldito MSN pra termos companhia e não perder o contato com aquela pessoa tão querida e amada com a qual trocaremos três frases ao longo do ano. Pessoas verdes online com as quais mantemos relações virtuais 24 horas por dia. Tudo muito superficial. Tudo muito virtual. Onde quando dizer a verdade é uma questão de ENTER mentimos. Tudo fruto da nossa maldita carência, tão maldita quanto essas relações virtuais infundadas. Precisamos nos afirmar pro mundo e pra nós mesmos. Precisamos nos encaixar nos padrões atuais de pessoa bem-sucedida e amada pra sermos aceitos. Esperamos encontrar a felicidade no celular com mil funções que não toca, nas novas cores de esmalte que são lançadas toda semana, nos hidratantes perfumados, nos xampus caros. Compramos pra ter companhia. Compramos pra preencher um vazio interno. O mesmo vazio que tentamos preencher com  relacionamentos virtuais e mentiras virtuais. Tapamos o sol com a peneira. Tapamos nossos buracos com relacionamentos infundados. Despistamos nossa carência aguardando um produto chegar pelo correio. Nos tornamos tão superficiais quanto nossos relacionamentos virtuais. Nos tornamos tão efêmeros quanto os esmaltes da cor da moda. E continuamos nos sentindo vazios. E trocando a cor do esmalte a cada semana.

 

Engraçado como mudo de idéia, eu pensava exatamente assim,  lembro de um seminário na faculdade onde discutiamos exatamente esse assunto, eu claro, defendi que a internet era apenas um meio maravilhoso onde podíamos facilitar as nossas interações com o mundo, rs, quanta tolice a minha, acabei me viciando em facilitar as minhas "interações com o mundo" e acabei esquecendo que o mundo estáva lá fora me esperando, e que a internet era apenas um meio ao qual eu podia olha-lo, enquanto minha vida estava passando.Está certo que a internet nos distrai, mas o vazio continuava lá. Hoje não me sinto mais vazia, não sinto mais necessidade de me preencher de pequenas coisas inúteis e fúteis, nem mesmo troco meu esmalte duas vezes por semana, ando tão entretida e preocupada com outras coisas que nem ao menos me lembro de pintar minhas unhas. E quer saber, pode parecer absurdo, impossível, difícil no começo, mas quando você finalmente percebe que não precisa de msn, orkut, Twitter, cosméticos,  bens materiais e atenção dos outros pra ser feliz você se sente liberta, aliviada e infinitamente alegre. E acreditem  se sentir assim, NÃO TEM PREÇO!

 

 

 

E você ainda  precisa mudar de "esmalte" a cada semana?

 

 

 

 

 

Déia Nascimento 

 

 

 



publicado por Déia Nascimento às 19:42
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Sexta-feira, 7 de Janeiro de 2011
Se bastasse escrever...

 

 

 

 

 

 

Por algum tempo estive perdendo o dom da escrita. Via, aos poucos, as palavras me escapando do formato. Perdia os argumentos, os artifícios, as idéias. Escrever pra mim estava se tornando alguns conjuntos repetitivos de obrigações, quando o teclado me chama os dedos e automático escreve algo por mim. Eu andava  fugindo de papel e caneta. Escrever tornava  tudo tão real. Mais como tornar real uma ilusão?
Eu não escrevia  há mais de um mês e isso não era um bloqueio comum de criatividade. Era apenas porque tem dores que não devem ser verbalizadas. Tem dias que não devem ser escritos. Mais hoje, sinto uma felicidade, um alívio, que não cabe dentro de mim, é o meu lado que precisa ser exposto, documentado, provado, porque sonhos ás vezes duram  tão pouco e precisam de provas para destinguirmos se eles realmente existiram.Eu não entendia porque não sentia mais prazer em fazer a coisa que eu mais amava: ESCREVER. Mais ai o sol voltou,e está tão claro agora, que chega a turvar minhas vistas: eu simplesmente não tinha motivo reais pra escrever!

 

Hoje?? Ah estou numa fase tão criativa, poderia escrever, escrever, e nunca colocar pontos finais, escrever virou um vício.Frases soltas, textos longos, nadas escritos só pra existir. Se eu não registrar, uma parte de mim se esquece. Se eu parar, uma parte de mim morre.E essa parte espero não morrer NUNCA mais!

 

 

 

" Grandes garotas não choram, escrevem."

 

 

 

 

 




publicado por Déia Nascimento às 19:00
link do post | comentar | favorito

Ele não é só um cara!

 

 

 

 

 

 

Depois de tantos amores estranhos, pequenos, errados e tortos, finalmente eu tinha reconhecido no seu olhar centralizado e no seu sorriso espalhado, a minha certeza! E só olhar pra você, ouvir sua voz, faz tudo ficar mais feliz. Algumas pessoas simplesmente valem a pena...

 

 

 

Afinal, finalmente percebi que Ele não é só  mais um cara..

Esse sim, esquenta as suas mãos e escuta as suas bobeiras e gracinhas com o mesmo apego. Ele não te deixou apodrecendo ali onde você não pudesse incomodar. Ele é diferente de tudo o que é errado em seu mundo e em outros mundos.
Você diria que ele salvou sua vida se não soasse tão dramático. Ele não faz planos ou promessas, só surpresas, te ensinou a gostar de surpresas. Ele é diferente. Ele não é só um cara.
Ele te ouve como se te entendesse, fala como quem soubesse o que dizer e não diz nada muitas vezes, porque ele entende os silêncios. Ele existe. Você sabe que seriam bons amigos, bons parceiros, bons inimigos, mas você prefere ser a garota dele.
E sabe que serão importantes na história um do outro para sempre, independentemente de tudo que estiver pra acontecer. Porque ele não é só um cara. Você não quer mais só um cara. E ele é tudo que você quer hoje.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Déia Nascimento

 

 

 



publicado por Déia Nascimento às 18:24
link do post | comentar | favorito

Pras meninas pensarem,rs

 

 

 

 

 

 

 

Eu olho pra sua tatuagem e pro tamanho do seu braço e pros calos da sua mão e acho que vai dar tudo certo. Me encho de esperança e nada. Vem você e me trata tão bem. Estraga tudo.Mania de ser bom moço, coisa chata.
Eu nunca mais quero ouvir que você só tem olhos pra mim, ok? E nem o quanto você é bom filho. Muito menos o quanto você ama crianças. E trate de parar com essa mania horrível de largar seus amigos quando eu ligo. Colabora, pô. Tá tão fácil me ganhar, basta fazer tudo pra me perder.
E lá vem ele dizer que meu cabelo sujo tem cheiro bom. E que já que eu não liguei e não atendi, ele foi dormir. E que segurar minha mão já basta. E que ele quer conhecer minha mãe. E que viajar sem mim é um final de semana nulo. E que tudo bem se eu só quiser ficar lendo e não abrir a boca.
Com tanto potencial pra acabar com a minha vida, sabe o que ele quer? Me fazer feliz. Olha que desgraça. O moço quer me fazer feliz. E acabar com a maravilhosa sensação de ser miserável. E tirar de mim a única coisa que sei fazer direito nessa vida que é sofrer. Anos de aprimoramento e ele quer mudar todo o esquema. O moço quer me fazer feliz. Veja se pode.
Não dá, assim não dá. Deveria ter cadeia pra esse tipo de elemento daninho. Pior é que vicia. Não é que acordei me achando hoje? Agora neguinho me trata mal e eu não deixo. Agora neguinho quer me judiar e eu mando pastar. Dei de achar que mereço ser amada. Veja se pode. Anos nos servindo de capacho, feliz da vida, e aí chega um desavisado com a coxa mais incrível do país e muda tudo. Até assoviando eu tô agora. Que desgraça.
Ontem quase, quase, quase ele me tratou mal. Foi por muito pouco. Eu senti que a coisa tava vindo. Cruzei os dedos. Cheguei a implorar ao acaso. Vai, meu filho. Só um pouquinho. Me xinga, vai. Me dá uma apertada mais forte no braço. Fala de outra mulher. Atende algum amigo retardado bem na hora que eu tava falando dos meus medos. Manda eu calar a boca. Sei lá. Faz alguma coisa homem!
E era piada. Era piadinha. Ele fez que tava bravo. E acabou. Já veio com o papo chato de que me ama e começou a melação de novo. Eita homem pra me beijar. Coisa chata.
Minha mãe deveria me prender em casa, me proteger, sei lá. Onde já se viu andar com um homem desses. O homem me busca todas as vezes, me espera na porta, abre a porta do carro. Isso quando não me suspende no ar e fala 456 elogios em menos de cinco segundos. Pra piorar, ele ainda tem o pior dos defeitos da humanidade: ele esqueceu a ex namorada. Depois de trinta anos me relacionando só com homens obcecados por amores antigos, agora me aparece um obcecado por mim que nem lembra direito o nome da ex. Fala se tão de sacanagem comigo ou não? Como é que eu vou sofrer numa situação dessas? Como? Me diz?
Durmo que é uma maravilha. A pele está incrível. A fome voltou. A vida tá de uma chatice ímpar. Alguém pode, por favor, me ajudar? Existe terapia pra tentar ser infeliz? Outro dia até me belisquei pra sofrer um pouquinho. Mas o desgraçado correu pra assoprar e dar beijinho.

 

 

 

Autora: Tati Bernardi

 

 

 

Se identificam meninas??rs

 

 




publicado por Déia Nascimento às 18:15
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

NO ver, YES sentir!

 

 

 

"O amor acontece em outro lugar, não no orkut, não subnick do msn, não no alto falante. Por dentro, onde ninguém consegue ver, só sentir."

 

 

 

 

Eu, que sempre quis desfilar com a minha alegria para provar ao mundo que eu era feliz,  felizmente hoje percebi que eu só quero me esconder de tudo ao seu lado.
Eu limpei minhas mensagens, eu deletei meus emails, eu matei meus recados, eu estrangulei minhas esperas, eu arregacei as minhas mangas e deixei morrer quem estava embaixo delas. Eu risquei de vez as opções do meu caderninho, eu espremi a água escura do meu coração e ele se inchou de ar limpo, como uma esponja!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Déia Nascimento

 




publicado por Déia Nascimento às 17:25
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 6 de Janeiro de 2011
Entre aspas: A primeira vez

 

 

 

 

 

Você sempre me disse que sua maior mágoa, era eu nunca ter escrito um texto sobre você. Nem que fosse te xingando, te expondo. Qualquer coisa.  Você é o único homem que talvez realmente mereça um. E eu nunca te escrevi nem uma frase num papelzinho amassado.  Você sempre foi o único amigo que entendeu essa minha vontade de abraçar o mundo. E o único que sempre entendeu também, o porque de eu dormir chorando, porque era impossível abraçar sequer alguém, o que dirá o mundo.  Outro dia eu estava lendo um texto meu, do ano passado e lá estava escrito “hoje meu coração foi insensivelmente despedaçado, e ele me consolou, me fez sorrir”. Ele, no caso, é você. Dei risada e lembrei que em várias vezes, mesmo eu nunca tendo escrito nenhum texto para você, por diversas vezes você parou tudo que estava fazendo pra tentar me fazer sentir melhor. Porque você é meu melhor amigo e conselheiro. Depois olhei uma foto sua  em que você está com um daqueles óculos escuros espelhados de maconheiro eu te achei ridículo na foto, mas senti uma coisa linda por dentro do peito. Derrepente me lembrei aquela vez ainda na faculdade que nós tivemos uma discussão terrível, por motivos até então que eu não soube entender.Eu fiquei super brava com você, mais hoje eu entendo suas razões e agradeço: MUITO OBRIGADO POR AQUELA ATITUDE!

Eu não sei porque exatamente você não mereceu um texto meu, desde a  primeira vez em  que eu conheci você. Ou quando voce fazia aquelas diversas palhaçadas só pra me ver feliz. Ou todas as vezes que me escrevia coisas lindas e me dizia coisas lindas, ou todas as vezes que inutilmente  tentou me aconselhar, e eu cega n percebia que queria meu bem, ou todas as vezes que me ajudava nas aulas de química quântica e de anatomia, sempre com uma paciência incrível. Ou mesmo quando, já de saco cheio de eu ficar com você e com mais metade da cidade, você me fez aquela ligação me esculhambando, rs. Também não sei porque eu não escrevi um texto quando você me disse a frase mais linda que eu já ouvi na minha vida “eu sei que você não gosta de mim, mas deixa eu te olhar mesmo assim”.  Talvez eu devesse ter escrito um texto para você, quando eu te pedi a única coisa que não se pede a alguém que ama a gente “me faz companhia enquanto ele não está aqui?”. E você fez. E você  se perguntando porque raios isso acontecia com você. Talvez porque mesmo sabendo que eu não amava você, você continuava querendo apenas me olhar. E eu me nutria disso. Me aproveitava. Sugava seu amor para sobreviver um pouco em meio a falta de amor que eu recebia de todas as outras pessoas que diziam estar comigo. Depois você começou a ficar com uma menina e deixou,aparentemente  de gostar de mim. E eu podia ter escrito um texto para você. Claro que eu senti ciúmes e senti uma falta absurda de você. Mas ainda assim, eu deixei passar em branco. Nenhuma linha sequer sobre isso.  Depois eu também podia ter escrito sobre aquele dia que você me xingou até desopilar todos os cantos do seu fígado. Eu fiquei numa tristeza sem fim. Depois pensei que a gente só odeia quem a gente ama. E fiquei feliz. Pode me xingar quanto você quiser desde que isso signifique que você ainda gosta um pouquinho de mim. Me pergunto por que diabos não escrevi um texto sobre você quando me disse que nunca deixaria de me amar, talvez eu estivesse ocupada demais me iludindo com outro.

Minhas piadas,  até meu jeito de falar. Tudo é tão parecido com  você. Minha personalidade é  tão parecida com a sua.  Tudo em mim chama você.  Quando eu coloco um brinco pequeno ao invés de um grande, é pq vc  disse que fica melhor, ou quando eu não me maquio é porque voce me acha linda assim. Ou quando eu fico em casa feliz com as minhas coisinhas. Tudo aprendi com você. Eu sou mais você do que fui qualquer homem que passou pela minha vida.  E eu sempre amei infinitamente mais a sua companhia do que qualquer companhia de outro homem mundo, mesmo eu nunca tendo demonstrado isso. E, ainda assim, nunca, nunquinha, eu escrevi sequer uma palavra sobre você. Até hoje. Até essa noite. Quem sabe  esse não seja um começo sem fim de vários textos sobre voce,  só espero que  sejam tão felizes quanto esse!

 

 

E caso ainda sobre dúvidas, esse é o primeiro texto que escrevo sobre você meu veterano, meu Vinicius Mendes!

 

 

 

 

 

 

Uma frase, sua frase que insiste em não sair da minha mente:

 

"Você não precisa mostrar o quanto é diferente para alguém tão igual. Não mais".

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Déia Nascimento!



publicado por Déia Nascimento às 20:34
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 4 de Janeiro de 2011
Adeus 2010!

Oi pessoal!!

 

Caramba quanto tempo que eu não venho por aqui não é mesmo!! Já estava com saudades de dividir minhas aventuras e  desventuras  com vcs, rs.

Chega fim de ano, e sempre vem o mesmo papo " o que eu fiz durante o ano, o que ainda preciso fazer" e ah RELEMBRAR faz parte,  e principalmente REPENSAR todos nossos atos, saber o que  foi construtivo e o que não foi e assim construir um próximo ano muito melhor!

Esse ano pra mim sem dúvida foi o melhor da minha vida, aconteceram tantas coisas, e só pra vcs ficarem por dentro hoje vou fazer um mega post das coisas mais importantes que ocorreram no decorrer de 2010, é uma tarefa difícil mais vamos por parte!

 

Começando por Janeiro, ahh as férias! Como sempre fui para chácara, fiquei com a minha familia, meu recanto de paz e descansei bastante!

Bom, tinha acabado de me formar e estava megaa feliz! Tinha feito o vestibular, e estava esperando o resultado! E derrepente no meio da noite recebo a mensagem que até hoje me fez sentir mais feliz, um misto de sentimentos, eu chorei eu ri, TINHA PASSADO NO VESTIBULAR DA UNB! Mal sabia que as vezes aquilo que sonhamos  tanto  pode se tornar um pesadelo, no entanto mais pra frente eu conto mais a respeito, pq em janeiro a fevereiro foi só alegria!

 

Em Fevereiro viajei com minha família, fomos pra Trindade em Goiás e foi inesquecível!

 


 

 

Em janeiro na cachoeira da chácara!

 

 

 

 

 

Eu e meu Pai na chacára...

 

 

 

 

 

Eu, minha irmã e minha prima em Trindade

 

 

 

 

Vamos falar de Março agora, puts to fazendo um imenso esforço pra lembrar coisas de março! Ahh como não lembrava, rs, comecei a fazer faculdade, depois de uma greve ai, tudo foi correria, eu estranhei tudo, me senti feliz, me senti triste, me senti recompensada, orgulhosa, mais uma vez um misto de emoções, ( esse ano foi uma loucura delas) rs. Conheci pessoas maravilhosas por lá, INESQUECÍVEIS, em especial um anjo chamado Melissa, que fez os meus dias ficarem  mais coloridos  na UNB.

 

 

 

 

Mell, eu e a Jéssica visitando a obra do campus da facul,

 

 

 

 

Eu e a Mell plantando nossa mudinha no trote ambiental da Facul

 

 

 

 

 

Hummm Abril, Abril, o que aconteceu em Abril?? kkk de verdade que não lembro, só sei que ralei muito na Facul e no curso Técnico em administração á tarde, acabou que me senti super sobrecarregada,perdida, estressada e infeliz.

Me bateu milhões de dúvidas sobre o que eu realmente queria, mais continuei seguindo em frente! Há poxaa como eu ia esquecer, em Abril o meu namoro com o Linkem também terminou, foi dificil no começo, mais hoje sinto que era necessário, o namoro terminou mais o nosso carinho mútuo um pelo outro continuou e sinto que ainda teremos muita coisa pra vivermos!

 

Te amo Linkem! Meu amigo, meu conselheiro!

 

 

Linkem!

 

 

 

 

 

Agoraa chegou a vez de Maio! o Mês do dia das mães! Bom foi um mês muito especial e que concerteza adicionou muitas coisas novas em minha vida!  Fui para Caldas Novas com minha mãe a migos, conheci pessoas especiais, reatei amizades com velhos amigos, e mudei um pouco meu caminho, mais creio que tenha sido apenas um desvio! Graças a esse mês algumas portas desconhecidas se abriram pra mim pelo resto do ano, graças a esse mês senti raiva, medo, felicidade, me apaixonei, sorri, chorei, enfim mais uma vez um misto de emoções e sensações nunca sentidas antes!

 

Viva a MAIO! rs

 

 

 

Niver da Wanna, dia 9 de maio

 

 

 

 

 

 

Ah Caldas Novas foi reenergizante pra mim! Tava precisando mesmo de uma folguinha!rs

 

pessoas super especiais!

 

 

 

 

...em Caldas

 

 

 

 

 

JUNHO!!!! ohh mês danado de sobe e desce!  Tive muitos problemas durante Junho, acho que foi o mês que mais chorei, e tbm que mais me senti feliz, realizei sonhos! No começo foi meio que conturbado tive problemas familiares mais depois só alegria! Ownn vi meu Luan Santana de pertim, foi emocionante, passei frio como nunca senti na minha vida e pela terceira vez passei a noite fora de casa, kkk o mes de Julho sem duvidas foi o mês das noites fora de casa! Amadurecii muito em Junho, como talvez nunca tenha amadurecido em nenhum outro mês!

Vivendo, errando e  aprendendo!

 

 

 

 

 

Essa foto tirada em um jogo do Brasil na copa do Mundo, talvez o dia mais difícil da minha vida, ta vendo esta garota? Ela esteve ao meu lado até o ultimo minuto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Show do Luan, o melhor dia dos namorados!

 

 

 

 

eu e a Dessa no show!

 

 

 

Estava esquecendo de um acontecimento mega importante! Em Julho eu tinha acabado de encontrar meu Nino abandonado na rua e trazer  pra casa, ele estava tão debilitado e assustado mais hoje é tão vivo, carinhoso e esperto ! *-* É a minha alergria, o meu acalento! Gente vendo as fotos dele tão tikinho de pequeno, percebo como o tempo passa rápido!

 

 

 

 

OINTT MAIS É LINDO!

 

 

 

 

 

 

 

 

Finalmente JULHO! O mês mais bonito do ano! O meu aniversário! Caracas completei 18 anos, e junto com ele veio uma tempestade de responsabilidades, foi um mês em que eu muito pensei na vida, sentia o peso do mundo inteiro sobre meus ombros! As coisas na faculdade ficando cada vez mais dificieis e minha jornada de estudos curso e faculdade estava me deixando exausta! Acredito que tenha sido nesse mês que o desanimo e a preguiça bateu em mim! rs

Julho foi tão rico pra minha vida, me acrescentou tanta coisa! Me fez sentir tão feliz e confusa ao mesmo tempo! Aprendi tantas coisas novas, muitas experiencias e meu coração nunca pulsou tão forte como em JULHO!

 

Nesse adorável mês comecei a namorar meu amigo Léo, foi uma ótima experiência mais acabei percebendo que éramos melhores como amigos! E é isso que somos até o momento que escrevo esse Post e espero  que por muito tempo ainda!

 

 

 

 

 

Eu e o Léo na minha formatura de ensino médio em 2009, história antiga, carinho ETERNO

 

 

 

 

 

 

 

Em Julho também tive que ver um grande amigo meu ir embora pra outra cidade, mais que continua no meu s2, e sempre que dá agente se vê! Ah Paulinho, como é grande o carinho que sinto por vc, talvez voce seja o homem mais importante na minha vida(depois do meu pai claro,rs), pois quando penso em você só consigo sentir ternura! Voce me ensinou tantas coisas e eu sou tão grata á voce sempre ter me tratado com tanto carinho, EU AMO VOCE!

 

 

 

Eu e Paulinho dia danado de bom!

 

 

 

 

 

Humm até agora n falei direitinhu do meu curso, andava numa preguiça dele! rs Mais eu me divertia muito! Já sinto saudades...

 

 

 

 

Nessa foto ta faltando uma pessoa muito importante na minha vida, á qual eu tinha tirado da minha vida, mais exatamente no dia 22 de Julho eu vi um email que mudou todo o meu modo de pensar e me fez acrescentar mais doce na minha vida (de amora,kk)  eu voltei a falar com a minha MELHOR amiga Jéssica Ferreira Canário! A melhor coisa que talvez eu tenha feito nesse ano, pq sem ela concerteza faltaria muita alegria dentro de mim! Eu te amo amora! Obrigado por ser tão especial na minha vida e por não guardar mágoas das minhas várias idiotices!

 

 

 

 

 

 

 

Ixii Agosto! Esse mês tá dificil de lembrar, kkk achu que não teve muita coisa importante nele naum! Bom depois de vinte minutos olhando fotos agora me lembrei, rs! Comecei a namorar, o namoro mais complicado de todaa a minha vida, não sei dizer as datas certas porque foi tudo muito confuso,  bem o conheci no dias das mãe, no aniversário de uma ex amiga, uma longa história que não vem ao caso, mais o importante é colocar aqui! Nossa foram tantas risadas, tantas brigas, palhaçadas, momentos tensos, mais td valeu muito apena! Foi muito importante pro meu crescimento emocional!

 

 

 

foto ruim pakas, mais foi num dia especial, kkk eu mesma q tirei! (Jonathan)

 


 

 

 

Finalmente Setembro! Nossa esse foi um Mês de decisões, depois de muito penar desde Maio na faculdade, acabou o primeiro semestre, e eu estava muito cansada mentalmente  já daquilo tudo, reprovei em matérias por pura falta de atenção, força de vontade e muitaa preguiça, mais enfim, não estava me sentindo feliz por lá, claro que conheci pessoas maravilhosas que me ajudaram muito, mais isso n era suficiente, recebi  a minha grade horária e ela batia com o horário do meu curso de Administração, e juntando o útil ao agradável tranquei a minha faculdade, claro que logo após me senti imensamente em dúvida se realmente tinha feito a coisa certa ( duvida que ainda não desapareceu) mas no entanto eu ainda posso voltar caso me arrependa. Em setembro eu estava muito estressada e sobrecarregada como já disse, as pessoas pareciam á todo instante querer dizer o que eu deveria fazer, e isso estava me irritando profundamente, mais por amor prefiri escutar certas pessoas, ah fiz muitas burradas, e magoei muitas pessoas, infelizmente certas coisas não tem volta, mais é errando que se aprende mesmo!

 

 

 

 

Eu no poso de folia da Chácara

 

 

 

 

 

Em Outubro comecei a procurar emprego e tentei também me tornar um pouco menos dependente de uma pessoa, ao qual não fazia mais nada sem, e me sentia perdida com sua ausência, mais acontece que quanto mais tentamos nos afastar de algo, mais dificil se torna, no fim acho que não conseguir, rs mais tudo bem o que vale é a intenção. Nesse mês começou meu declínio sentimental e astral, estava me sentindo desanimada e péssima, sem coragem pra fazer coisa alguma. Tenho sorte de ter amigos maravilhosos que sempre me levantam quando preciso e num piscar de olhos lá estava a velha Andréia de volta!rs

Não lembro mais coisas de outubro, só sei que estava curtindo muita preguiça!

Ahhhhh em Outubro conheci um cara que mecheu comigo lá na chácara o "Jacob" nuss ele é super gente boa e muito simples, o jeito dele inocente e doce me abalou de um jeito que nunca tinha me abalado, mais enfim, acho que as pessoas não iam gostar nada nada de saber isso, por que um relacionamento entre ele e eu é tão improvável, eu quis tanto ele, tanto...

 

 

 

 

 

Em Novembro eu já não queria mais, vai me entender neh! Acontece que todos os caras por qual eu me apaixono sempre acabam se apaixonando por mim, rs pena que tarde demais, meus sentimentos são tão fugazes! Humm novembro, novembro, doce novembro, cheiro de coisas novas! Nesse mês me senti um pouco mais renovada, eu conseguir um emprego, conheci pessoas novas, fortaleci vinculos cada vez mais fortes com velhos amigos, tirei pessoas falsas da minha vida,  enfim meio que encontrei meu caminho! Mais a felicidade é tão ilusória que lá fui eu passar dias sorrindo e noites "chorando"! Novembro tbm foi o mês da desilusão, mais sabe aquela desilusão que faz bem , que faz cair na real??

Nada melhor que desencanar de algo e de alguém, não foi por completo, mais já foi uma vitória!

Eu ganhei um presente muito especial, de uma amiga, O ENCONTRO MARCADO COM JORGE E MATHEUS E GUSTAVO LIMA, sem dúvidas que foi um dia pra ficar na listinha dos mais felizes da minha vida! Poxa como eu amo o Gustavo, foi emocionante receber um beijo dele, um autógrafo dele!

 

 

 

 

o show

 

 

Mais nem tudo foi folga assim, rs, quebrei muita cabeça com meu plano de negócio, passei muita raiva, cheguei a me desesperar, me desentendi com minha amiga, enfim, foi tenso, mas no final das contas deu tudo certo, não do jeito pelo qual eu tinha planejado, mais deu! Ah tava esquecendo eu meio que me apaixonei em novembro, mais dessa vez com os pés no chão, CLARO!

Foi um mês dos mais felizes mais não se compara com Julho *-*

 

 

 

 

Taí Dezembro, o mês que eu não esperava muita coisa, mais foi tudo ao mesmo tempo, foi como sair da minha vidinha de contos de fadas, e ir pra vida real, foi meio que um baque pra mim, derrepente me vi trabalhando, tendo responsabilidades, e a única coisa que ainda fixava meus pés nos contos de fadas chegou ao fim tbm: meu curso de administração, não que eu não tenha ficado feliz em me formar, mais me bateu uma nostalgia, derrepente meus dias não eram mais os mesmos, não é fácil se acostumar! Mas to tentando neh! A parte mais difícil é me afastar dos amigos, não vê-los todos os dias ainda me deixa chateada, mais nada que não passe também. Afinal o que importa são os laços invisíveis que sempre permaneceram em meu coração, as lembranças daqueles dias que foram e não voltarão mais! Eu fui muito feliz em 2010, fiz coisas inimagináveis, sorri muito, chorei bastante, meu coração nunca pulsou o tanto que ele pulsou esse ano! E pensando bem, tudo valeu tão á pena, tudo se encaixa tão perfeitamente agora, meus acertos me orgulham, e meus erros apenas me fortalecem para que em 2011 eu não os cometa novamente!

 

pessoal do serviço, que já nem trabalho mais *-* rs

 

 

 

 

 

 

 

 

A empresa que eu e minha sócia criamos com muitoo esforço e nervoso, kk

 

 

 

 

o dia tão esperado da nossa apresentação.

 

Minha formatura!

 

 

 

 

*-*

 

 

 

Enfim é isso, demorei três dias pra fazer toda essa retrospectiva mais me serviu muito, pra analisar cada passo que dei, sei que muita coisa esta faltando aqui, não importa, pq carrego elas comigo, e em algum momento que eu precisar tenhu certeza que irei relembrar!

 

E você ja fez o seu balanço de 2010?? Se ainda não fez e for fazer BOA SORTE! kkk

 

Agora só falta eu fazer a lista dos meus objetivos de 2011, como me aconselharam, mais quer saber? Por hoje não tenho a minima idéia do que eu quero! Deixa pra amanha, rs!

 

 

e ah tava Esquecendo: FELIZ 2011 POVO!

 

 

 

 

 

 

"Todos nós somos formados de lembranças e sonhos, e o que nos diferencia são a maneira com que lidamos com eles."

 

 

 

 

Déia Nascimento!

 

 

 

 



publicado por Déia Nascimento às 23:06
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

pesquisar